lundi 24 octobre 2011

ITARIRI EM SÃO PAULO

Esta cidade possui especial importancia na minha vida. Em 21 de Julho de 1985 fui batizado nas águas do rio do Azeite. Em 2006 passei a cultivar um pequeno sítio onde mantenho um pomar com dezenas de espécies de árvores frutíferas, crio animais e converso com Deus todos os fins de semanas. Aqui é o meu retiro espiritural semanal. (Escriba Valdemir Mota de Menezes)



Itariri
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Itariri
Bandeira de Itariri

Brasão de Itariri
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 24 de dezembro de 1948
Gentílico itaririense
Lema
Prefeito(a) Dinamerico
(2009–2012)
Localização
Localização de Itariri
Localização em São Paulo
Itariri está localizado na Brasil
Localização no Brasil
24° 17' 20" S 47° 10' 26" O24° 17' 20" S 47° 10' 26" O
Unidade federativa São Paulo
Mesorregião Litoral Sul Paulista IBGE/2008 [1]
Microrregião Itanhaém IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Iguape, Pedro de Toledo e Peruíbe
Distância até a capital 157 km
Características geográficas
Área 272,777 km² [2]
População 15 471 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 56,72 hab./km²
Altitude 55 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH 0,75 médio PNUD/2000 [4]
PIB R$ 84 806,134 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 5 284,53 IBGE/2008[5]

Itariri é um município brasileiro do estado de São Paulo.

O município de Itariri foi criado no ano de 1948 através da Lei nº 233. O nome da cidade têm origem indígena e significa: Ita= pedra e riri=miúda, ainda, segundo alguns especialistas riri pode significar “que rolam”, ou seja Itariri quer dizer “Pedras miúdas” ou “Pedras que Rolam”.

O movimento que nasceu da magnífica campanha de emancipação realizada em 1947 e liderada pelos senhores Francisco Ribeiro Botelho, Henrique Bojikian, Henrique Ferreira Monteiro, Francisco Benedito Barone, Osmar Ferreira Fortuna, João Aristóteles de Andrade e Heicho Fukuti.

A região que em 1880, foi denominada Rio do Azeite, pertencia a freguesia da Prainha, hoje cidade de Miracatu sob jurisdição de Iguape. Joaquim Nardes e Fortunato de Tal, foram os primeiros moradores, e foram atraídos pelas terras férteis, fauna em abundância e belos rios.

O local foi marcado definitivamente com a inauguração em 1914, da estrada de ferro Santos-Juquiá.

A ferrovia foi construída em terras adquiridas de Joaquim Nardes e no local se construiu uma estação e ao seu redor surgiu a vila.

Em 1915, várias famílias de imigrantes japoneses se estabeleceram na região. Dentre elas a família do Sr. Guensho Oshiro. Nessa época José Ferreira Franco, comprou terras de Joaquim Nardes e Benedito Muniz, nas vizinhanças da estação ferroviária. Neste local surgiram as primeiras casas do povoado.

Em 1925, foi construída a Capela de São Benedito, em terreno doado por Benedito Muniz. Neste mesmo ano foi construída a primeira escola de ensino primário. Em 1938, criou-se o distrito de Paz, pertencente ao município de Itanhaem, Comarca de Santos.

A estação de embarque e desembarque da ferrovia recebeu então o nome de Itariry, que tornou-se popular entre todos aqueles que utilizavam o trem e passavam pelo local.

A primeira capela de Itariri surge no ano de 1925. É a Igreja Católica de São Benedito, hoje patrimônio histórico do município. A escolha do padroeiro se dá em razão de uma homenagem ao doador do terreno, onde foi erguido o prédio religioso. Tratava-se de Benedito Muniz, morto em 1919.

Para educação de seus moradores e desenvolvimento do vilarejo, em junho de 1936 é criada a primeira escola com nome de Grupo Escolar de Itariri. Mas de uma década depois, o colégio passa a se chamar Padre Leonardo Nunes em homenagem a um dos primeiros Jesuítas desbravadores da região.

O ano de 1938 é uma data importante na história de Itariri. Sob a administração de Itanhaem e jurisdição de Santos, o núcleo é elevado à categoria de Vila pelo decreto 9.775. Já em 1945 a tentativa de emancipação é frustrada pelo motivo dos impostos arrecadados serem baixos para se considerar uma cidade. A Sociedade Amigos de Itariri é formada em 1947 para juntos lutarem pela emancipação do município.

O objetivo do grupo é alcançado em 24 de dezembro de 1948 com a criação da Lei 233, que eleva Itariri à categoria de município. Em primeiro de janeiro de 1949, o então Presidente da Câmara Municipal de Itanhaem, Octacílio Dantas, realiza a sessão solene de instalação do município, no Grupo Escolar Padre Leonardo Nunes.

Três meses depois, é feita a primeira eleição para escolha do prefeito e vereadores da nova cidade. Quem obteve a vitória foi o candidato José de Almeida Siqueira, tornando-se o primeiro prefeito de Itariri. Como a posse do prefeito e vereadores se deu no dia 9 de abril de 1949, desde então nesta data, se comemora o aniversário de Itariri.
Índice
[esconder]

* 1 Turismo
* 2 Alimentação
* 3 Hospedagem
* 4 Dicas
* 5 Geografia
* 6 Vegetação e Relevo
* 7 Demografia
* 8 Hidrografia
* 9 Rodovias
* 10 Referências
* 11 Ligações externas

[editar] Turismo

Trilha do Salto

Com 15 metros de altura a Cachoeira do Salto é ideal para a prática do cascading e tirolesa. O acesso é feito por nove quilômetros de asfalto e mais dois de trilhas pela Mata Atlântica com nível leve de dificuldade.

Pedra Cara do Macaco

O local é um dos mais indicados para a quem gosta de descidas de rapel, mas por ter descida negativa é aconselhável experiência. O acesso é feito por uma trilha de 980 metros, sendo pouco mais de 300 de aclive pela mata nativa, a cinco quilômetros do centro da cidade pela Estrada do Azeite. O topo da pedra está a 600 metros de altura e proporciona uma vista do vale em que se encontra Itariri.

Sete Quedas

Mais um local para a prática de cascading e tirolesa, a cachoeira de 28 metros fica a 10 quilômetros do centro de Itariri. O acesso é feito por 40 minutos de caminhada por uma trilha de dificuldade média.

Cachoeira do Araribá

A sete quilômetros do centro da cidade é possível encontrar uma pequena cachoeira com piscina natural cercada por pedras. O acesso é feito pela estrada do bairro Igrejinha.

Cachoeira da Italiana

Nas proximidades do Rio do Azeite, também em Igrejinha, a Cachoeira da Italiana é outra opção para quem quer tomar um banho em piscinas naturais, com direito a escorregador na corredeira.

Cachoeira Cabuçu

Uma cachoeira ideal para banho, com três metros de queda, a 14 quilômetros do cetro da cidade. Situada no Rio Cabaçu, a cachoeira fica no distrito de Ana Dias.

Cachoeira do Saltinho

A apenas dois quilômetros do centro de Itariri fica a Cachoeira do Saltinho, na estrada do Rio do Azeite, formada por corredeiras e uma piscina natural.

Pedra da Igrejinha

Com 195 metros de altura está em propriedade particular, mas pode ser visitada com monitores ambientais locais. É de rocha basalto e arenito, e proporciona bela vista aos caminhantes. Há também um rapel que é feito no topo da pedra. Turismo / Ecoturismo: Atividades de ecoturismo: Bóia-Cross, Canyoning, Cavalgada, Corrida de Aventura, Mountain Bike, Off-Road, Pesca, Rapel, Tirolesa, Trekking
[editar] Alimentação

Em Itariri é possível encontrar comidas típicas do litoral e da serra, como pratos a base de peixes e palmito, mas também restaurantes típicos japoneses. A forte influência da colônia japonesa pesa principalmente na mesa da cidade.
[editar] Hospedagem

Itariri possui algumas pousadas próximas à estação ecológica da Juréia, onde é possível se hospedar perto da natureza; além de hotéis no centro da cidade.
[editar] Dicas

Quando for à cidade não esqueça roupas de banho, pois a maioria dos passeios incluem rios e cachoeiras. Leve sempre um bom repelente, já que a Mata Atlântica possui vários insetos. Se visitar Itariri na época de frio não esqueça de incluir na bagagem uma boa blusa, pois as noites são frias e úmidas. Capa de chuva também é recomendável.
[editar] Geografia

Localiza-se a uma latitude 24º17'21" sul e a uma longitude 47º10'28" oeste, estando a uma altitude de 55 metros. Sua população estimada em 2006 era de 15.095 habitantes. Possui uma área de 273 km².
[editar] Vegetação e Relevo

A cobertura das serras do Mar e do Itatins é de mata tropical úmida de encosta. Com muita variedade de espécies como Palmito, Canela, Peroba, Ipê, Jacatirão, Angelim e Jatobá. Nas flores, as bromélias são o maior destaque da floresta da região. A cidade fica a apenas 52 metros de altitude em relação ao nível do mar. Entre a Serra do Itatins e a Serra do Mar, apresenta um relevo bem acidentado. Possui uma área de 294 quilômetros quadrados, o que representa 0,11% da área do estado. O ponto mais alto é o Morro das Três Pontas, a 1240 m de altitude em relação ao nível do mar, no topo da Serra do Itatins, o mais baixo é o centro da cidade, onde fica a estação ferroviária Itariry.
[editar] Demografia

Dados do Censo - 2000

População total: 13.613

* Urbana: 7.445
* Rural: 6.168
* Homens: 6.965
* Mulheres: 6.648

Densidade demográfica (hab./km²): 49,79

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 21,87

Expectativa de vida (anos): 68,30

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 3,21

Taxa de alfabetização: 89,08%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,750

* IDH-M Renda: 0,688
* IDH-M Longevidade: 0,722
* IDH-M Educação: 0,839

(Fonte: IPEADATA)


A cidade é cravada entre o Vale do Ribeira e o litoral paulista, em plena Serra do Mar, Itariri proporciona uma oportunidade quase única de apreciação do que ainda resta da Mata Atlântica na costa paulista. Nos arredores da cidade estão rios e cachoeiras de fácil acesso, garantia de uma bela paisagem. A potencialidade do local para a prática de esportes de natureza já fez de Itariri palco de corridas de aventura.
[editar] Hidrografia

Os rios que banham o Município são: Itariri, Rio do Azeite, Areado das Pedras, Cabuçu e Guanhanhã, que possuem diversos córregos afluentes. (todos com águas cristalinas e puras)
[editar] Rodovias

* SP-55

mardi 11 octobre 2011

CLIMA DO BRASIL

O clima de um região é influenciado pela altitude, latitude, continentalidade, maritimidade e vegetações. Além de outros elementos como a temperatura, pressão atmosférica, ventos, umidade do ar e precipitações. Como o Brasil é um país de grande extensão territorial, nele se encontra: regiões quentes e secas, quentes e umidas, e outras com período de frio intenso e até com geada e neve. (Escriba Valdemir Mota de Menezes)



Le climat d'une région est influencée par l'altitude, la latitude, la continentalité, la mer et la végétation. En plus d'autres éléments tels que température, pression atmosphérique, les vents, l'humidité et les précipitations. Comme le Brésil est un pays de grand territoire, il est: régions chaudes et sèches, chaudes et humides, et d'autres avec une période de froid intense et même avec le gel et la neige. (Scribe Valdemir Mota Menezes)

video

POPULAÇÃO BRASILEIRA

No fim do século XX a população brasileira esta distribuida igualmente entre homens e mulheres, a maioria são jovens. A taxa de natalidade esta diminuindo gradativamente. A maioria dos brasileiros vivem na área urbana, trabalham no setor de serviços e está mais distribuida nas regiões do litoral do que no interior do continente.(Texto do Escriba Valdemir Mota de Menezes, video copiado do canal Proseador, e produzido pela TV Cultura).

video

At the end of the twentieth century the Brazilian population is distributed equally between men and women, most are young. The birth rate is decreasing gradually. Most Brazilians live in urban areas, working in the service sector and is more distributed on the coastal regions than in the interior of the continent. (Text of the Scribe Valdemir Mota Menezes, video channel Proseador copied and produced by TV Cultura) .

RELEVO DO BRASIL

O relevo brasileiro tem diversas características. Até porque, pelas dimensões do país, temos uma amplidão territorial que se destava por grandes planícies e grandes planaltos, regiões montanhosas como a costa do sudeste. Neste vídeo aprenderemos mais detalhadamente sobre o relevo brasileiro.(Valdemir Mota de Menezes, o escriba)
Produzido pela TV Cultura e copiado do canal do Youtube do Proseador)


video

EXTRATIVISMO NO BRASIL

O Extrativismo no Brasil ainda é praticado de forma arcaica, apesar da queda brusca neste tipo de atividade. O extrativismo da biodiversidade já foi fonte grandes riquezas como a extração de borracha da seringueira e do cacau. O extrativismo mineral já foi carro-chefe da economia nacional no período do ciclo do ouro. Deus nos abençou com muitas riquezas na natureza que devemos extrair, sem com isso ter que degradar o meio-ambiente.(Texto do escriba Valdemir Mota de Menezes)


video




The Extraction in Brazil is still practiced in archaic form, despite the sharp drop in this type of activity. The extraction of biodiversity has been a source great wealth as the extraction of rubber from rubber and cocoa. The mineral extraction has been the flagship of the national economy in the period of the gold cycle. God has blessed with riches in nature that we extract, without thereby having to degrade the environment. (Text of the scribe Valdemir Mota de Menezes)

AGROPECUÁRIA NO BRASIL

A agropecuária esta intimamente ligada as origens e tradições do Brasil. Tivemos em nossa História o ciclo do café e da cana-de-açucar. Ainda hoje 10% da população do trabalho trabalha direta ou indiretamente com a agropecuária. As áreas rurais estão dividas em terras que são trabalhadas no sistema tradicional e aquelas que usam de tecnologia no campo e na pecuária que torna a produção mais rentável e competitivel. (Texto do escriba Valdemir Mota de Menezes)






The cattle-breeding is closely tied to the origins and traditions of Brazil. We cycle in our history of coffee and sugar cane. Even today, 10% of the population works directly or indirectly work in farming. Rural areas are divided into lands that are worked in traditional and those using technology in the field and livestock that makes production more profitable and competitive. (Text of the scribe Valdemir Mota de Menezes)


video

RAZÃO DESTE SITE

Neste site faço meus apontamentos sobre a Geografia do Brasil. Sou brasileiro já viajei por todas as regiões do Brasil, exceto o Norte. O Brasil possui grande variação de solo e clima e sua diversidade de fauna e flora nos permite conhecer infinidades de aspecto da vida no planeta Terra. (Escriba: Valdemir Mota de Menezes)

MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS NO BRASIL

O Brasil sofreu varios movimentos migratórios no seu território. Geralmente em busca de novas oportunidades, moradores de uma região se deslocam em massa ou gradativamente para outras regiões do país. As maiores migrações no século XX foram de nordestinos para o sudeste e dos habitantes da costa do Atântico para o interior do país, como Rondônia. O estudo dos fluxos migratórios nos ajuda a entender as peculiaridades de cada região, a reconstrução cultural que o migrante sofre ao se adaptar aos costumes de sua nova terra.(Texto do Escriba Valdemir, video copiado do canal Proseador e produzido pela TV Cultura).




video



Brazil has experienced several migrations within its territory. Often in search of new opportunities, residents of a region moving mass or gradually to other regions of the country. The largest migration in the twentieth century were from the Northeast to the Southeast, and the inhabitants of the coast of the Atlantic end into the country, such as Rondonia. The study of migration helps us to understand the peculiarities of each region, the cultural reconstruction suffers the migrant to adapt to the mores of their new land. (Text of the Scribe Valdemir Mota Menezes, video channel Proseador copied and produced by TV Cultura).